Image by Mikayla Mallek

Blog: artigos e

últimas notícias

Através da Justiça Estadual de São Paulo, a terapia denominada método ABA pode ser concedida!

As crianças com autismo possuem um tratamento adequado considerado pelos especialistas em favor do tratamento e desenvolvimento.


É o chamado tratamento ABA.


ABA é a abreviação da frase "Applied Behavior Analysis". Também é conhecida em português como Análise do Comportamento Aplicada. A Associação para a Ciência do Tratamento do Autismo dos Estados Unidos, já se posicionou afirmando que a terapia ABA pode ser considerada um dos únicos tratamentos que possuem evidência científica suficiente para ser considerado eficaz.





O que ocorre é que esses tratamentos não são baratos e custam bastante dinheiro. Quem possui condições financeiras estritamente seguras e confortáveis, podem contratar os profissionais da saúde diretamente e prosseguir com o tratamento em favor do paciente.


O problema ocorre quando o paciente precisa do tratamento, mas os familiares não possuem recursos financeiros para arcar com os custos integrais deste tratamento.


Os planos de saúde via de regra costumam apresentar negativa ao pagamento e cobertura deste tratamento como um todo, seja através da negativa de equoterapia (em resumo é o método terapêutico e educacional que utiliza cavalos dentro de uma abordagem multidisciplinar e interdisciplinar para tratamentos e melhorias dentro das áreas de saúde e educação, buscando sempre o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiências e/ou necessidades especiais).


Outros tratamentos comumente negados pelas operadoras de saúde são os tratamentos como psicoterapia através do método ABA, musicoterapia (é a prática com música num contexto clínico de tratamento, reabilitação ou prevenção de saúde e bem-estar do indivíduo, tudo isso com base técnica em evidências e provas científicas).


As negativas abrangem também o modelo Denver de Intervenção Precoce (ESDM) é um dos métodos também utilizados no tratamento do autismo infantil, porém, a Justiça Brasileira especificamente através do Poder Judiciário do Estado de São Paulo já pacificou entendimentos positivos de que é ilegal a negativa de tratamento quando o médico informa que a criança ou o paciente necessita exatamente de determinado tratamento para cura, melhora ou progressão positiva de determinada disfunção ou patologia.


Procure um escritório de advocacia com profissionais treinados para a resolução adequada de seus problemas.

6 visualizações
whatsapp-logo-1.png